Avanço da Covid-19 ainda traz incertezas sobre o calendário da CBBC.



O Avanço da Covid-19 no mundo e mais especificamente no Brasil, resulta em impactos diretos na comunidade do BCR. Hoje, cidades que têm nossas filiadas como sede, seguem as determinações governamentais de suspensão de treinamentos presenciais. Isso impede o oferecimento de treinamentos presenciais, seja para a manutenção ou formação de atletas ou a realização de competições. Ainda como consequência, podemos destacar o prejuízo para todos os profissionais, que diretamente ou indiretamente possuem relação com as atividades das equipes.


A CBBC, entidade norteadora das ações que envolvem o BCR no Brasil, tem o dever de acompanhar e informar, esclarecendo para toda a comunidade, não somente as consequências, mas determinações para mitigar os efeitos da pandemia, bem como o que pode ser feito para amenizar a situação trazida pelo agravamento da pandemia no Brasil, com relação ao BCR. Nesse sentido, e seguindo as determinações emanadas pelo Comitê Paralímpico Brasileiro, entidade matriz do segmento paraolímpico no Brasil, do qual a CBBC é filiada, e que atua como entidade de administração da natação, atletismo, halterofilismo e tiro esportivo (paraolímpico), determinou a suspensão de todas suas competições e eventos por todo o primeiro semestre de 2021. Da mesma forma, outras entidades de administração paradesportiva seguiram seu exemplo, como o voleibol paraolímpico e rugby.


A CBBC, que como todos sabem está em processo de transição de gestão, ainda não havia se manifestado sobre o calendário de eventos e assim, por decisão de sua diretoria e o bom senso que o momento exige, também seguirá a determinação de não realizar competições e eventos, na forma presencial, no primeiro semestre de 2021. A diretoria irá acompanhar de perto os desdobramentos da pandemia e seus efeitos no Brasil, para informar, posteriormente, o que poderá ser feito em termos de eventos presenciais no segundo semestre de 2021, explica Mario Belo presidente da CBBC.


Apesar desta situação, a CBBC estuda realizar eventos on-line, através de um programa de capacitação que está em andamento. Tratar-se-á de eventos não presenciais com o objetivo de contribuir e envolver a comunidade do BCR, nesse momento de preocupação mundial. Ainda assim, é possível realizar debates e reuniões para tratar de temas importantes para o BCR, tais como sistema de competições, eventos e planejamento estratégico, por exemplo. A intenção da diretoria é que esses eventos façam parte do calendário da CBBC, seguindo o rito obrigatório de aprovação e comunicação a todos os envolvidos.


Ainda assim, temos pensamentos positivos para o segundo semestre e os anos que se seguem. A expectativa da vacinação da população é sem dúvidas a melhor das esperanças. Mesmo que isso ocorra, a forma de realização de treinamentos e competições não serão os mesmos. Por isso, a CBBC também tem trabalhado na elaboração de um protocolo de segurança, que será orientador das atividades de treinamento das equipes, bem como norteará, como os eventos serão realizados de forma presencial, com o intuito de mitigar a possibilidade de contaminação pelo Covid-19 e suas variações.


Esperamos que esse primeiro comunicado tenha sido esclarecedor e tenham certeza que a CBBC tem trabalhado com muito empenho e preocupação para propor as melhores ações possíveis para o desenvolvimento do BCR no Brasil.

233 visualizações0 comentário